Governo do Ceará mantém rede de serviços e monitoramento para dar suporte a populações afetadas por chuvas

Governo do Ceará mantém rede de serviços e monitoramento para dar suporte a populações afetadas por chuvas

Com os alertas de chuvas intensas para o Ceará, o Governo do Estado, por meio de uma força-tarefa das secretarias e os órgãos estaduais, reforçou o monitoramento das áreas de risco. Aliado a isso, o diálogo com as prefeituras tem sido contínuo para prevenir e responder a situações de emergência no período chuvoso.

Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), o Ceará deve seguir com condições favoráveis às chuvas em todas as macrorregiões até domingo (19). “No fim de semana, as principais chuvas deverão iniciar pela faixa litorânea e Maciço de Baturité. Já pela tarde, nas demais regiões”, informa a Funceme.

Diversos serviços estaduais estão à disposição da população cearense para a prevenção e/ou atendimento de ocorrências. Fique atento às orientações:

Serviços

Ciops 190 e Corpo de Bombeiros 193

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), por meio de seus órgãos vinculados, atua para atender ocorrências relacionadas a chuvas no Ceará. Em caso de emergência, ligue para a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), no número 190, ou para o 193 do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE).

A Defesa Civil do CBMCE também orienta a população a adotar algumas medidas de segurança em situações de chuvas intensas, alagamentos ou deslizamentos.

– Cadastre seu aparelho celular para receber alertas da Defesa Civil; envie, gratuitamente, um SMS com o CEP da sua rua para o número 40199;

– Durante a chuva, evite contato com aparelhos ligados à rede elétrica e não permaneça em áreas abertas ou próximo a estruturas altas, para não ser atingido por um raio;

– Caso a sua moradia esteja em área de risco de alagamento ou inundação, procure deixar os móveis e objetos suspensos, fora do alcance da água. Mantenha preparada uma bolsa com os materiais de uso imediato da família, para o caso de ter de sair da moradia em situações emergenciais. Identifique antecipadamente um lugar para se abrigar, na casa de parentes, amigos, ou em instalações públicas;

– Caso precise passar com o veículo automotor por uma área alagada, mantenha distância do veículo à frente, avance em baixa velocidade, mantendo o motor sempre acelerado e acima do nível da água.

Samu 192 Ceará

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) Ceará, que cobre todo o estado, com exceção de Fortaleza, funciona 24 horas e conta com profissionais socorristas de prontidão para atendimento ao cidadão. Basta ligar para o número 192.

O coordenador médico do Serviço, Breno Novais, orienta como solicitar atendimento. “Ao ligar para nossa Central de Regulação de Urgência, é importante que o cidadão tenha em mãos o nome e identificação do paciente, e relate o que o paciente está sentindo, fazendo descrição do que aconteceu, informando a localização exata, com ponto de referência, para que nossa equipe encontre o local o mais rápido possível. Os atendimentos do Samu são: casos de infarto, pacientes com doenças respiratórias graves, acidentes de rua, choque elétrico, afogamento. Em qualquer um desses contextos de maior gravidade ou sofrimento grave pode entrar em contato com nossa Central por meio do 192”, pontua.

WhatsApp das Estradas: (85) 98404.9800

A Superintendência de Obras Públicas do Ceará (SOP) vem intensificando as ações de monitoramento das condições de trafegabilidade das rodovias estaduais. Equipes dos 11 Distritos Operacionais (DOs), por meio da Superintendência Adjunta de Rodovias, seguem em alerta para solucionar de forma ágil possíveis ocorrências nas estradas, com o objetivo de liberar e garantir a segurança no tráfego dos veículos.

A SOP mantém um canal direto de comunicação com a população por meio do WhatsApp das Estradas, por meio do número (85) 98404.9800.

O cidadão pode informar problemas de trafegabilidade nas rodovias cearenses, além de relatar a situação das obras rodoviárias estaduais. As demandas são encaminhadas às áreas técnicas responsáveis.

“Nesse período chuvoso, a SOP está atuando em todo o Ceará, de domingo a domingo, com nossas equipes e equipamentos de prontidão para acompanhar a situação das rodovias estaduais que ligam os municípios cearenses”, destaca Quintino Vieira, superintendente de Obras Públicas.

Em caso de emergências, a SOP reforça que o cidadão acione a Defesa Civil pelo 193.

Monitoramento de barragens

As 157 barragens monitoradas pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) passam por duas inspeções: uma antes e outra após a quadra chuvosa. Enquanto a primeira aponta medidas a serem tomadas para evitar problemas na quadra, a segunda indica o que fazer para corrigir eventuais falhas causados pela água das chuvas.