A conta de luz está alta? Descubra como poupar até 95% com energia solar

A conta de luz está alta? Descubra como poupar até 95% com energia solar

A tarifa residencial subiu 21% no ano passado e a expectativa é de mais um ano com reajustes de dois dígitos em 2022. Os constantes aumentos na conta de luz têm levado milhares brasileiros a adotar a energia solar fotovoltaica como estratégia para reduzir despesas. Dez anos após a criação desse mercado, o Brasil superou a marca de 1 milhão de consumidores gerando a própria energia renovável e limpa com a tecnologia fotovoltaica.

“O brasileiro não aguenta mais pagar a conta de luz e encontrou no kit solar uma solução de curto e longo prazo”, comenta Rodolfo Meyer, cofundador e CEO do Portal Solar Franquia, empresa com mais de 130 unidades espalhadas por 25 estados do país e no Distrito Federal.

Diferente da compra de um carro, um sistema de geração fotovoltaica é um investimento, não um custo. Além de recuperar o valor investido em até 5 anos por meio da economia na conta de energia elétrica, o gerador solar agrega valor ao imóvel no qual está instalado, dando maior qualidade e segurança ao fornecimento energético.

Para que o consumidor tenha uma boa experiência com a energia solar é recomendável escolher uma empresa instaladora com boa reputação e know how no mercado fotovoltaico. “Todas as normas técnicas precisam ser seguidas à risca. Por isso, recomendamos a escolha de empresas qualificadas para assegurar a eficiência da instalação do seu kit solar”, alerta Meyer.

Veja esse exemplo simplificado:

  1. Cliente paga R$ 350,00 mensais na conta de energia elétrica.
  1. Com a instalação correta, consumidor pagaria apenas a taxa mínima na conta de energia: suponhamos que ela é de R$ 50,00.
  1. O sistema tem vida útil de, pelo menos, 30 anos. Nos primeiros cinco anos, o usuário pagaria o financiamento como se fosse a fatura mensal da energia.
  1. Nos 25 anos seguintes, economizaria R$ 300 a cada mês e, ao final desse período, terá poupado R$ 90 mil.