Notas fiscais podem inibir sonegação? Especialista aponta como empreendedores podem evitar problemas com Fisco

Notas fiscais podem inibir sonegação? Especialista aponta como empreendedores podem evitar problemas com Fisco

Muitos empreendedores que iniciam seus negócios possuem dúvidas quanto à emissão de notas fiscais e toda a burocracia que envolve o processo. O principal receio dos empreendedores é em relação à sonegação de impostos, pois segundo a legislação 4.729, de 1965, deixar de emitir notas fiscais se enquadra neste crime. 

A cautela dentro do nicho dos empreendedores não é por acaso. De acordo com a pesquisa “Estudo sobre Sonegação Fiscal das Empresas Brasileiras”, feita pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), pequenas empresas são responsáveis por 47% dos valores sonegados no Brasil.

“Quem não realizar a emissão de nota fiscal, pode enfrentar grandes problemas. Por ser um crime previsto em lei, a punição pode incluir detenção de seis meses a dois anos. Além disso, existe ainda a possibilidade de ter que pagar uma multa de duas a cinco vezes o valor do tributo”, comenta Christophe Trevisani, CEO da eNotas, única solução tecnológica do mercado que automatiza 100% do fluxo de emissão de NF-e em qualquer cidade do Brasil.

Segundo o executivo, além de evitar o crime, emitir notas fiscais também possui vantagens, como regularidade com a lei, dessa forma, o negócio em questão mostra que faz suas operações de acordo com o sistema legislativo, evitando problemas com o Fisco e prejuízos financeiros com multas. 

As NFs também geram credibilidade para com os clientes, pois é um sinal de transparência sobre as operações da empresa, ajudando a construir uma imagem positiva e clara sobre o negócio. “Por meio da nota fiscal, eles têm uma garantia sobre a compra, e podem ficar mais tranquilos sobre seus direitos como consumidor”, afirma Trevisani.

Por fim, as notas auxiliam a manter o controle financeiro, dessa forma, é possível identificar oportunidades de economia, gastos desnecessários e formas de otimizar os ganhos do empreendimento. Nesse cenário, a transparência fiscal contribui para a organização financeira, servindo como registro de transações.

“A emissão das notas fiscais é um processo essencial para os empreendedores e é pensando nisso que a eNotas oferece produtos e serviços que automatizam e fazem com que o processo seja intuitivo, contemplando os mais diversos negócios com soluções práticas para a emissão do documento”, conclui o CEO. 

Com atendimento a empresas de diversos tamanhos e segmentos, a startup mineira tem como propósito oferecer mais liberdade a todas as companhias que querem focar exclusivamente em seus negócios enquanto a eNotas cuida da emissão de suas notas fiscais. A empresa tem conquistado notoriedade no mercado com uma solução que integra o processo de emissão das NF-e com Prefeituras e Secretarias da Fazenda, disponibilizando três produtos para diferentes tipos de clientes: “eNotas Emissor”, “eNotas Gateway – Emissão” e “e-Notas Gateway – Consulta”.