Estudo aponta aumento do interesse dos brasileiros em investimentos; conheça dicas para entrar nesse mercado

O jornal Folha de S. Paulo publicou matéria sobre o aumento do interesse dos brasileiros por investimentos. A publicação menciona ainda que, com isso, influenciadores da área estão cada vez mais “explodindo”. O texto cita também levantamento que indica que 255 deles reúnem 94 milhões de seguidores nas redes.

O investidor André Janeiro Dias, dono do canal do Youtube “Mestre da Riqueza”, que possui quase 89 mil inscritos, confirmou a informação da Folha completando o assunto, mencionando que isso se dá porque muitos influenciadores de Finanças tem buscado fornecer um bom conteúdo informativo sobre esse segmento. “Além da informação de qualidade, temos também o tão eficiente boca à boca entre quem busca orientação para isso, põe em prática e testemunha os resultados.

Pensando em ilustrar um pouco mais essa estatística, André elaborou uma lista com três dicas de como sair da poupança e aos poucos se tornar um investidor com bons retornos.

1- Escolher bem quem seguir

“Busque conteúdos de bons educadores financeiros. Busque quem tem resultados positivos para mostrar. Nesse caso em específico (bom conteúdo + provação de resultados) muitos seguidores podem sim indicar quem é bom ou não tanto nesse mercado”, disse.

2- Estudo

“Como tudo na vida, para investir é necessário ter conhecimento do que e como. Isso pode impedir que você caia em golpes de pessoas que prometem rentabilidades fantasiosas e que divergem da realidade atual do mercado. Tivemos recentemente a questão do ‘Sheik dos Bitcoins’. Pessoas bem informadas jamais acreditariam no que era prometido ali”, relembrou.

3- Faça uma reserva de emergência antes de começar a investir

“Muito importante você ter essa segurança. Ao tempo que digo isso, falo que é preciso começar a investir aos poucos. 10% do seu capital é suficiente para este início. Junto a isso trago também o ponto 2: estudo. Isso lhe trará também a clareza de iniciar seus investimentos em rentáveis mais seguros. Sugiro trocar a poupança por investimentos mais adequados como Tesouro SELIC ou até mesmo um CDB de liquidez diária com rentabilidade em 100% do CDI ou mais, com resgate imediato”, finalizou.