Dia dos Pais: benefício da licença paternidade estendida é encontrado em apenas 5,4% das vagas no País

No próximo domingo será festejado o Dia dos Pais. Além das comemorações é possível perceber a movimentação das empresas em relação ao cuidado com os colaboradores que são pais e seu papel no desenvolvimento das crianças. Segundo levantamento da Catho, marketplace de tecnologia que conecta empresas e candidatos, no último ano, 5,4% das vagas já oferecem o benefício de licença paternidade estendida.  

Com 51% das oportunidades, a área de tecnologia ocupa o primeiro lugar com o benefício. Logo na sequência é possível perceber o crescimento das vagas na área comercial (14%) e vagas administrativas em geral  (9%).  Atualmente, este benefício é considerado o principal direito trabalhista para colaboradores pais. O período da licença paternidade deve ser garantido por lei e normalmente são ofertados cinco dias, iniciando a contagem a partir do primeiro dia útil ao nascimento da criança.  Já para as empresas que oferecem esse benefício como um plus, a licença paternidade torna-se  estendida, garantindo o direito de afastamento por um período de até 20 dias. Para a oferta de licença paternidade estendida, as empresas devem estar cadastradas no programa Empresa Cidadã.  


O levantamento mostra que 7,5% das vagas contavam com este benefício em 2021 e a liderança ainda era mantida pelo setor de Tecnologia. Em 2022, é possível perceber um crescimento da licença nas áreas de E-commerce,  Recursos Humanos, Finanças e Departamento Pessoal. 


Os dados do levantamento são da base de dados da Catho que trabalha no recrutamento de  vagas para atuar em todo o País.