Plataforma tecnológica se propõe a reduzir turnover nas empresas

No Brasil, organizações perdem cerca de R$ 37bi ao ano com a rotatividade de funcionários. Estima-se também que uma demissão pode custar até 15 vezes o valor de um salário. O chamado “turnover” implica em gasto com processos seletivos e adaptação de novos integrantes nas equipes. Por isso, a taxa de rotatividade é um dos principais indicadores de gestão de uma empresa. Acompanhar essa métrica é vital para prevenir contratempos nos negócios, além de permitir uma avaliação crítica e abrangente da cultura interna e dos esforços de recrutamento e marca do empregador.

Uma plataforma desenvolvida pela HR Tech brasileiraSólides faz a gestão de pessoas de ponta a ponta, com ferramentas focadas na atração e retenção de talentos, tarefas administrativas, análise de desempenho e acompanhamento do desenvolvimento dos profissionais. Com isso, tem reduzido em cerca de 50% a rotatividade nas organizações que adotam a solução.

“Perder um profissional com grande potencial produtivo pode custar mais caro do que se imagina. Além dos gastos com processos seletivos e a integração de um novo colaborador para a equipe, você corre o risco de ficar atrás da concorrência”, comenta Mônica Hauck, CEO e CO-Founder da Sólides.

A tecnologia no engajamento dos colaboradores

Entre as ferramentas disponibilizadas na plataforma estão o “Mapeamento

comportamental”, que identifica, antes mesmo da admissão, quais são os talentos mais alinhados à cultura da empresa que está recrutando, e a “Análise Demissional”, que indica os principais motivos pelos quais um colaborador não se adaptou às dinâmicas e processos da organização. A plataforma da Sólides traz também a “Calculadora de Turnover”, que facilita a medição da rotatividade, e a “Pesquisa de Clima”, que identifica o que afeta o desenvolvimento e a produtividade dos profissionais.

“A tecnologia no RH evolui para ser mais estratégica. Prova disso é a alta demanda no setor por soluções focadas no desenvolvimento e na produtividade dos colaboradores, correção de falhas e obtenção de melhores resultados, aspectos diretamente relacionados ao baixo turnover. A Sólides faz parte dessa transição do RH convencional para o RH digital, que agiliza procedimentos e auxilia empresas a obterem os melhores resultados com decisões baseadas em dados”, finaliza Mônica.