Direitista argentino apoiado por Bolsonaro e neofascistas despenca nas pesquisas

Direitista argentino apoiado por Bolsonaro e neofascistas despenca nas pesquisas

Do site Diário do Centro do Mundo:

Apesar de conquistar multidões em comícios, a pré-candidatura do economista de extrema-direita, Javier Milei, representante do partido “La Libertad Avanza” (A Liberdade Avança) na Argentina, está aparentemente perdendo força, especialmente nas pesquisas de opinião.

O economista, viu seu apoio encolher quase 10 pontos percentuais entre potenciais eleitores, em um período de pouco mais de três meses. As eleições estão se aproximando das Primárias Abertas, Simultâneas e Obrigatórias (Paso), uma etapa prévia à escolha do próximo presidente da República, programada para outubro.

No início da corrida eleitoral, em maio, uma pesquisa de intenção de votos conduzida pelo Centro Estratégico Latinoamericano de Geopolítica (Celag) colocou Milei no topo da preferência dos eleitores, com quase 30% de apoio, mas esses número caiu e o último levantamento mostra que 20,3% ainda o apoiam.

Nesta sexta-feira, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) declarou o apoio ao candidato. “Temos muita coisa em comum, para começar que nós defendemos o bem dos nossos países. Nós defendemos a família, a propriedade privada, o livre mercado, a liberdade de expressão, o legítimo direito a defesa”, disse Bolsonaro em vídeo.