Fintech cria carteira temática de investimentos em games

Fintech cria carteira temática de investimentos em games

Nomad, fintech que permite a abertura de conta corrente em banco norte-americano de forma 100% digital, acaba de lançar ao mercado uma carteira temática de investimentos em games. Reunindo empresas relacionadas à indústria, o book do ativo conta tanto com players responsáveis pela criação direta de jogos como pelo desenvolvimento de produtos e serviços que apoiam o setor. Chamada de ‘Gaming’, a carteira traz uma combinação de ações individuais e ETFs, que são avaliadas e balanceadas frequentemente com foco em uma melhor alocação de recursos e redução da volatilidade.

Com cifras bilionárias e apresentando um crescimento bastante robusto na última década, o mercado de games e eSports movimenta anualmente mais de US$ 300 bilhões, segundo relatório publicado recentemente pela consultoria global de gestão Accenture.

De acordo com Lucas Vargas, CEO da Nomad, nos últimos anos chama a atenção também o desenvolvimento do mercado de eSports, que rapidamente vem se estruturando e profissionalizando. “Tanto o mercado de games como de eSports passaram por grandes adaptações. Em games, a reinvenção dos jogos e a era digital transformaram o setor em um nicho produtivo e rentável. Já os eSports ganharam legitimidade, e hoje, temos torneios, premiações, patrocinadores e donos de times, tal qual acontece nos campeonatos de esportes tradicionais. Tudo isso traz uma grande oportunidade de expansão e investimento”, afirma.

Com o lançamento da carteira ‘Gaming’, a Nomad passa a disponibilizar aos clientes nove ativos temáticos no total. Todos eles trabalham com a possibilidade de um retorno mais elevado aos investidores, uma vez que tendem a reduzir o chamado “Risco-Brasil”. 

Conheça cada uma das carteiras:

Gaming: carteira reúne os principais players do mercado de videogames e eSports, tanto na criação de jogos como no desenvolvimento do setor. 

Inovação: uma opção de diversificação de carteira para os interessados em investir em empresas que promovem inovações disruptivas, geralmente à frente de tempo.

Revolução Crypto: ligada ao universo de criptomoedas e blockchain, a alocação dessa carteira conta com empresas envolvidas em toda a cadeia produtiva do segmento.

Never Bet Against America: os ativos disponíveis são inspirados na carteira de empresas públicas da Berkshire Hathaway.

ESG: empresas que trabalham com práticas ambientais, sociais e de governança de forma clara e robusta no mercado.

Tecnologia: voltada às empresas dos setores eletrônicos, softwares, hardware e tecnologia da informação nos Estados Unidos.

China: uma das maiores economias do mundo, a carteira conta com ativos selecionados oriundos daquele país e buscam a valorização do capital com volatilidade semelhante à bolsa norte-americana.

Grandes Apostas: empresas de inovação em estágio inicial e responsáveis pelos produtos e serviços que irão moldar o futuro.

Saúde e Vida: investimento em diferentes empresas do setor, principalmente entre aquelas que se destacam por oferecer novas tecnologias na medicina e soluções contra o envelhecimento populacional.

Além das carteiras temáticas, a Nomad mantém as carteiras modelos com recomendação dos ativos alinhados ao perfil do investidor, objetivos financeiros traçados e tolerância a riscos. Essas carteiras são complementares e dão a possibilidade dos clientes diversificarem o patrimônio entre as duas opções.